0
Consultados
imóveis visualizados recentemente
Ver todos Sem Consultados
0
Imóveis favoritos
imóveis adicionados
Ver todos Sem Favoritos

Ciclos Viciosos no arrendamento

Os incumprimentos nos contratos de arrendamento urbano estão a aumentar, apesar da oferta ser escassa para a procura. A imensa procura, fruto da dificuldade em

Notícias Tudo o que necessita de saber sobre o sector imobiliário
Notícias
Voltar    \    Notícias
Ciclos Viciosos no arrendamento
10 fev 2011
Ciclos Viciosos no arrendamento
Os incumprimentos nos contratos de arrendamento urbano estão a aumentar, apesar da oferta ser escassa para a procura. A imensa procura, fruto da dificuldade em obter crédito bancário, gera uma grande desatenção, da procura e da oferta, relativamente à taxa de esforço das famílias que procuram uma solução habitacional no arrendamento.Com dificuldade em contrair empréstimos para aquisição de casa, muita gente opta pelo arrendamento urbano e, com medo de não conseguir casa num cenário de oferta p
CICLOS VICIOSOS NO ARRENDAMENTO

Os incumprimentos nos contratos de arrendamento urbano estão a aumentar, apesar da oferta ser escassa para a procura. Tão escassa que, ainda há dias, li o testemunho de um colega a dizer que as casas que se oferecem no mercado de arrendamento não chegam a aquecer lugar nos sites das empresas de mediação imobiliária – encontram interessados em 48 horas.
A imensa procura, fruto da dificuldade em obter crédito bancário, gera uma grande desatenção, da procura e da oferta, relativamente à taxa de esforço das famílias que procuram uma solução habitacional no arrendamento.  O resultado é um aumento potencial dos níveis de incumprimento.
Com dificuldade em contrair empréstimos para aquisição de casa, muita gente opta pelo arrendamento urbano e, com medo de não conseguir casa num cenário de oferta profundamente escassa, para as necessidades do mercado, aceita ofertas que podem estar na fronteira da sua própria capacidade de esforço.
 
Numa situação como a actual, ainda à espera de uma solução rápida e justa para os processos de despejo, mina-se a pouca confiança que este mercado sempre ofereceu, e com ela uma alternativa ao investimento com implicações na reabilitação urbana das principais cidades.
Dando de barato o facto desses rendimentos continuarem a ser considerados em sede de IRS, por valores muito elevados se comparados aos que se aplicam nos depósitos a prazo, ou até, para maior contradição, nos fundos imobiliários.
Veja também
  • Casa paga no desemprego02 mar 2011
    Casa paga no desemprego
    Incapacidade temporária, desemprego involuntário e hospitalização. São estas as situações cobertas pelos seguros de protecção ao crédito. Saiba quanto custa salvaguardar a prestação da sua casa.
  • Valor médio da habitação aumenta em Janeiro01 mar 2011
    Valor médio da habitação aumenta em Janeiro
    O valor médio da avaliação bancária iniciou o ano com uma subida de 0,2%, face a Dezembro de 2010, situando-se nos 1133 euros/m². Os números do INE mostram que a variação homóloga registada foi -3,3%, sendo que as regiões do Norte (...)
  • Ciclos Viciosos no arrendamento10 fev 2011
    Ciclos Viciosos no arrendamento
    Os incumprimentos nos contratos de arrendamento urbano estão a aumentar, apesar da oferta ser escassa para a procura. A imensa procura, fruto da dificuldade em obter crédito bancário, gera uma grande desatenção, da procura e da oferta, (...)